17/06/2010

Xixi e cocô no lugar certo: não tem preço

Jornal: R$ 1,50 cada

 

 

Removedor de Odores: R$ 15 a 40, sem o frete

 

 

 

 Caixa de Transporte: R$ 80 a 400 cada

 

 

Férias: um ano de trabalho

 

 

Paciência e perseverança:  herdadas ou cultivadas ao longo da vida.

 

 

Tempo: inestimável

 

 

Seu cachorro aprender a fazer xixi e cocô no lugar certo: Não tem preço!

 

38 comentários:

Ana Corina 17/06/2010 09:49  

GOSTOSOSSSSSSSSSSS

paulakehrwald 17/06/2010 09:52  

Que amorecos!! Eles dormem nas caixas? Sabe que nunca comprei uma dessas pra nenhum cachorro meu....acho que acostumar depois de mais velho não deve ser fácil né?

O meu dorme na caminha dele no meu quarto, e hoje teve insônia...ficou fazendo arte pela casa e pedindo comida era 1:30hs da manhã!! Ninguém merece!! hehehehehe
Ta com 4 meses, aí a gente da um descontinho né?
Beijos

Camilli Chamone 17/06/2010 10:22  

Não tem preço, mesmo, né Adriana? hahaha
Nós sabemos...
:))

Adriana Diniz 17/06/2010 13:40  

Oi, Paula! O Sherlock dorme na caixa e o Aurélio dorme ou na caixa ou no quarto onde fica a caixa (que não é o nosso quarto!). Como o Shih Tzu sente mais calor, eu não faço muita questão que ele durma lá dentro. Mas faço questão que ele durma no quarto a ele reservado!

Os mais velhos também podem aprender. Leia aqui: http://villechamonix.blogspot.com/2010/05/como-usar-o-crate-para-treinar-meu-cao.html

Eu não dou desconto nem com dois meses! Sou muito rígida na educação. Na verdade, quanto mais cedo o filhote aprender, mais fácil será e menos trabalho nós teremos! Então, desconto eu não dou! Só peço em supermercados!

Bjos, Paula, Ana e Camilli! (Sim, nós sabemos que não tem preço ensinar a fazer xixi e cocô no lugar certo)

paulakehrwald 17/06/2010 14:15  

Eu li os textos sobre as caixinhas, acho que eu ainda sou um pouco pra tras quanto a isso, não acho certo deixar os bichinhos sozinhos em casa e presos numa caixa tão pequena...acho que só usaria para transportes!
Beijo e obrigada pela informação

Camila RRS 17/06/2010 15:06  

Quando Saquê chegou, fiz para ele uma caminha em caixa de papelão. Na verdade era um corredor com a cama num canto, a água e a comida no meio e jornais para o local das necessidades no outro canto.
Acreditei ser essa a maneira mais fácil de fazê-lo aprender o lugar certo do seu banheiro.
Na prática a coisa muda um pouco mas acredito que esse "corredor" tenha ajudado.

Por isso, o Saquê nunca teve uma caixa própria para dormir. Só em março, quando precisei viajar e decidi leva-lo junto é que comprei uma bolsa de transporte. E aí sim, desde março (ele tinha 7 meses) ele dorme na bolsinha e já que aqui é bem frio, ela veio a calhar.

No entanto a bolsa não tem um lugar fixo. Sei que isso é importante, cães se sentem seguros onde dormem.
Estou evoluindo neste aspesto... hehe

Adriana, estou amando seu blog. :)

Camila RRS 17/06/2010 15:09  

AÉH! Esqueci de dizer:

Me assustei com o tamanho da casinha do Sherlock!!
:O

Milene Baixo 17/06/2010 16:47  

Xixi e cocô no lugar certo ta sendo mais de 80% da minha demanda com Adestramento canino. Boa parte dos pais-donos acabam a pensar sem desistir de ter um cãozinho por causa dos odores indesejáveis que ficam nos sofás, tapetes, borda de colchas, cortinhas e outros. Felizmente é possível reverter, mas precisa de muita paciência e perseverança com os amigões!!!
www.donododono.blogspot.com

Cassia 17/06/2010 19:20  

Lindas fotos, Adriana! Parabéns pelo empenho e dedicação aos dois! E xixi e cocô no lugar certo, realmente, não tem preço! Basta um pouco de perseverança e pronto! Beijos!

Adriana Diniz 19/06/2010 15:39  

Paula, sem problemas! Tudo tem seu tempo! E você está livre para escolher a técnica mais adequada à sua realidade! O importante mesmo é que dono e cão estejam felizes!

A dica das caixas de transporte pode também ser conferida no livro "Adestramento Inteligente", do Alexandre Rossi!

Camila, fico feliz que esteja gostando do blog! A caixa de transporte funciona como uma "casa nômade". Viajou e levou a caixinha? Seu cão se sentirá em casa...! É mais ou menos assim.

A caixa do Sherlock é muito alta para ele! Ele nunca precisará dessa altura toda, mas do comprimento certamente precisará! Como não existe uma caixa de transporte específica para Basset Hound, restou-nos essa caixona extravagante!

Falando em tamanho da caixa de transporte: é importante que seja comprada já a caixa do tamanho final do cachorro, mas, enquanto ele vai crescendo, deve-se arrumar uma forma de deixar a caixa do tamanho do filhote, diminuindo seu volume. Isso de acordo com o livro "Adestramento Inteligente", do Alexandre Rossi.

Milene, acredito! Creio que aprender a fazer xixi e cocô no lugar certo é uma das primeiras necessidades dos donos de cães, se morarem em apartamento, então, nem se fala! No meu caso, meus cães aprenderem a fazer xixi e cocô no lugar certo sempre foi meu maior anseio. Por isso, invisto mesmo.

No caso do Sherlock, demorou mais do que no caso do Aurélio. Aí eu tive de rever minha técnica, ler mais, me perguntar onde estava errando em vez de atribuir a "lentidão" em aprender ao fato do Basset Hound estar na 71ª posição do ranking de inteligência canina ou de adestrabilidade. Tudo bem, às vezes o chamei de "pamonha"!

Oh, Cassia. Obrigada por ver esse "trabalho" como "dedicação e empenho". De verdade! Quem não têm cães e não gosta deles, chama esse "trabalho" de "sacrifício" e "escravidão". Então, acalenta bastante palavras reconfortantes assim!

Você disse que "basta um pouco de perseverança". Isso é muita coisa: é difícil ser perseverante. Mas podemos tornar o fato de ensinar a fazer o xixi e o cocô no lugar certo como uma oportunidade para aprender a ser perseverante!

Gente, peço desculpas pela lentidão em responder. Não gosto muito de dar desculpas... mas estou aqui com o meu Aurélio recuperando-se da cirurgia da castração. Estou me sentindo uma mãe, pois a recuperação dele está sendo bem "sofrida": vômitos, inchaço, sem comer... essas coisas. Mas vai dar tudo certo! Deixa eu voltar para os meus pequenos e amados!

Anônimo,  27/06/2010 15:53  

Oi Adri meu cachorrinho shih tzu tem 2 meses e ainda não aprendeu a fazer xixi e coco no lugar certo o que eu deveria fazer... já fiz tudo que vi no seu blog... Me ajude

Beijoss

Adriana

Adriana Diniz 27/06/2010 21:15  

Oi, Adriana também?! Bem-vinda! Passo-a-passo:

1. Tenha calma e respire fundo.

2. Procure ler e pesquisar sobre o assunto. Anote o que parece fazer sentido para você na realidade observada em sua casa com sua Shih Tzu. Anote em um papel todos os pontos que você deve observar para ter sucesso na técnica. Já leu todos os posts indicados neste artigo? Os links estão marcados com a cor "vinho".

3. Se você mora em família, estão todos empenhados a ensinar a adestrar? Isso é muito importante e contribui para um aprendizado mais eficiente.

4. Procure NÃO limpar nas vistas do cão o xixi e cocô feitos no local ERRADO. O xixi e cocô feitos no local certo podem ser limpados na vista dele.

5. Você procura remover, imediatamente, o xixi e o cocô feitos fora do local certo? Isso é importante para que o chão não fique impregnado de urina, impedindo que o cão sinta o cheiro e queira fazer lá novamente. Os profissionais indicam removedores de odores, sobretudo os enzimáticos/biológicos.

6. Você está forrando o chão com uma quantidade boa de jornal? Quando o cão não saber fazer ainda as necessidades no local certo, a superfície do chão deve ser ampla. Você vai reduzindo à medida em que percebe que o cão vai acertando o local correto. Não esqueça de deixar um pouco de urina na região onde você deseja que seu cão urine!

7. Você recompensa seu cão quando ele faz xixi e cocô no lugar certo? Recompensa com petiscos (bifinhos, por exemplo) são melhores do que apenas um "muito bem".

8. Você recompensa no tempo certo? Recompense um segundo depois que ele fizer a ação correta. Se você apenas viu o jornal molhado, mas não conseguiu pegar o cão no flagra, não recompense, pois o cão pode ficar confuso quanto ao que realmente fez corretamente.

9. Existem alguns equipamentos recomendados por adestradores para agilizar esse processo: o clicker (um equipamento simples que emite um som de um click quando você o aperta). Sempre que o cachorro acerta, 'click' e dê o petisco. Os profissionais dizem que o cão associa com mais facilidade a ação correta quando usa-se o clicker.

10. Outra alternativa são as caixas de transporte. É lógica é muito simples: dentro das caixas de transporte, que nada mais são que casinhas sofisticadas, os cães não fazem xixi e cocô - a não ser que fiquem dentro da caixa mais tempo do que conseguem aguentar. Então, quando você estiver no banho ou fazendo outra coisa que não possa supervisionar seu cão, deixe-o na caixa de transporte respeitando o tempo-limite para cada idade. Assim que tirá-lo da caixa de transporte, coloque você mesma o cão no jornal. Provavelmente, ele fará xixi. Recompense-o um segundo depois. Da mesma forma, depois que ele acordar pela manhã ou após tirar uma soneca durante o dia, leve-o para o jornal, pois a sua bexiga deve já ter enchido. Um cão de dois meses pode ficar no máximo por três horas na caixa de transporte.

11. Quer ensinar mesmo seu cão a fazer xixi e cocô no local certo? Compre livros de adestramento. Eles ensinam premissas de educação do cão que fazem o dono raciocinar maneiras de educar da melhor forma possível. Especificamente para esse assunto, recomendo "Adestramento Inteligente" do Alexandre Rossi, que pode ser baixado, gratuitamente, na internet (procure por adestramento inteligente download).
Outro livro de adestramento muito bom é "Ou eu o cachorro" da Victoria Stilwell (http://www.auauaurelio.com/2010/06/olha-so-o-que-escolhi-de-presente-de.html)

Para ensinar a fazer as necessidades é importante que você esteja mais tempo com o cachorro do que menos. Como ensinar um cão - não que seja seu caso - a fazer as necessidades no local certo estando-se fora de casa o dia inteiro? Será um aprendizado muito lento e o dono, provavelmente, perderá a paciência.

Bjos e bom trabalho!!!

Anônimo,  01/07/2010 11:15  

Oi Adri também kkkk

Então eu forrei sim com uma boa quantidade de jornal... vou fazer o resto do passo a passo. Eu não tenho caixa de transporte ainda mais ele fica no quarto quando saimos e a noite...Sim posso da a ele petiscos??? Pq sempre que vou comprar ração só tem petiscos para cães adultos!!!

Beijosss


Adri

Adriana Diniz 14/07/2010 18:11  

Petiscos são recompensas eficientes em adestramentos de cães.

Uma dica de pesticos saudáveis e baratos diretos do site Cachorro Verde (www.cachorroverde.com.br):

"Muitas pessoas oferecem pedacinhos de maçã, banana ou cenoura como forma de premiar os cães durante brincadeiras e sessões de adestramento. Isso é ótimo; todos os nossos cães foram adestrados assim. Mas procure limitar a oferta de petiscos a não mais do que 10% do total de alimentos."

Fonte: http://www.cachorroverde.com.br/vegetais.php

De pensar que eu comprava petiscos industrializados quando eu poderia muito bem ter ido buscar a bendita maçã, muitas vezes esquecida na geladeira!

Boa sorte!

Anônimo,  19/07/2010 14:39  

Oi Adri sou eu novamente kkkkk

Então o Aruk está com 3 meses e sempre que saiu deixo ele tracando no quarto e a noite também... sempre coloco ele pra dormir por volta das 22h ele chora um pouco depois ele dorme... só que quando dá 7h da manhã ele começa a chorar e não para até eu levantar e abrir a porta pra ele e detalhe se eu voltar a dormir ele fica chorando na porta do meu quarto!!

Obs: Sempre deixo ele preso pois não confio nele ainda tenho medo dele fazer coco e xixi no lugar errado ou seja em cima do sofá!!

Como vc faz com o Aurélio??

Beijoss

Adriana

Adriana Diniz 19/07/2010 19:40  

Oi Adriana!

Neste post, eu conto sobre a experiência de levar o meu Shih Tzu para dormir:

http://www.auauaurelio.com/2009/11/sono.html

O choro do Aurélio nunca verdadeiramente incomodou, pois ele emite um barulho baixo e diferente dos choramingos da maioria dos cães. Com seu Shih Tzu também é assim?

Até uma certa idade, talvez quatro ou cinco meses, deixamos o Aurélio preso no quarto (mas não pela porta; utilizamos um puff, que mais tarde ele conseguiria pular). Depois que ele nos convenceu de que sabia realmente a fazer as necessidades no lugar certo, ele passou a andar com liberdade no quarto e na sala, inclusive quando saíamos. Ele nunca destruiu nada, a não ser a quina da mesa e alguns cadarços de tênis (hoje ele tem um ano de idade e foi tudo que destriu em minha casa e quem mandou deixar o tênis no meio da sala, né?).

Isso significa também que, à noite, passamos também a não prendê-lo mais no quarto e ele dormia onde queria: no quarto (que não é o meu quarto, é o escritório, que fique claro!) e na sala. Mas deixar o cachorro dormir onde quer não é recomendado, o que aprendi mais tarde. Veja:

"Deixar o seu cão solto pela casa, enquanto você não está ou está dormindo, o expõe a riscos desnecessários e, ainda, o deixa propenso a fazer muita bagunça. E se ele fizer bagunça, é justo você ficar bravo(a) por um erro que é inicialmente seu?"

Fonte: http://villechamonix.blogspot.com/2010/05/aprenda-usar-o-crate.html

Quanto a estabelecer um horário, uma rotina para o cachorro dormir, você está certíssima:

"É importante que os cães tenham rotina com horários para comer, para dormir, para ficarem no crate... isso tudo os torna seguros e estáveis do ponto de vista emocional"

Fonte: http://villechamonix.blogspot.com/2010/06/o-blog-responde-frenchie-temperamental.html

Mas por que resolvemos soltá-lo? Porque ele ficava piando, o jeito do meu Shih Tzu chorar...

Umas das melhores técnicas, no seu caso, é a de IGNORAR O CÃO, NÃO DAR ATENÇÃO AO CÃO. Todavia realmente julgamos que não havia problemas em deixá-lo solto e resolvemos não ignorá-lo, mas soltá-lo.

Mais tarde, essa ação revelou-se negativa por dois motivos:

- quando deixamos os cães escolherem o local de dormir perdemos uma oportunidade de mostrarmos quem realmente manda no pedação, no caso, os donos são os líderes da matilha, não o cão!

- com a vinda de um segundo cão, que precisava, incialmente, ficar restrito em um ambiente menor, tivemos muitas dificuldades, pois o Aurélio já estava habituado a dois cômodos e não a apenas um. Resultado: isso dificultou o adestramento do meu Basset Hound.

Quanto a este segundo aspecto, descobrimos recentemente que o meu segundo cão (um Basset Hound) chorava de manhã motivado pelos choramingos do meu Shih Tzu. Era o Aurélio quem começava tudo! Mas como eram os choros do Basset Hound - não do Aurélio - que nos acordavam, tendíamos a pensar que a culpa era do Basset Hound. Quanta injustiça!

Finalmente, a dica é: ignore, seja firme, observe as reações do seu cão. Em adestramento, existem algumas leis básicas, mas acredito muito na sensibilidade e perspicácia do dono em perceber e ajustar o treinamento conforme a situação, a raça, o jeito do cachorro, os equipamentos e acessórios disponíveis. Creio que isso é um adestramento inteligente.

Espero tê-la ajudado! A estrada é longa! Boa sorte mais uma vez!

Anônimo,  20/07/2010 13:27  

Longa mesmo kkkk

Acho que o problema dele é que pela manhã ele quer ficar comigo... imagine 7h kkkkkk ninguém merece!!

Muito obrigada Adri!!

Beijosss

Anônimo,  23/07/2010 21:55  

Oi Adriana!
Vi seu blog e achei mto legal!!
Ganhei uma shih tzu há 6 dias e estou perdendo os cabelos!rsrsrs Coloco jornal com pipi dog mas ela nao faz coco no jornal, e ainda pisa no coco, suja tdo! E pra piorar ela ainda ta fazendo coco mto mole! Ai da pra imaginar a bagunça. Coloco ela pra dormir em uma area restrita, mas ela chora a noite inteira! Nao sei se é por ela ser novinha demais, tem 2 meses. O aurelio era assim?
Bjos e parabéns pelo blog

Adriana Diniz 27/07/2010 18:04  

Olá!

Se eu tivesse ganhado - de surpresa - um cachorro, eu também perderia os cabelos! Era melhor um presente que não nos fizesse perder os cabelos, não é verdade?!

Pela experiência que tive com meus dois cães, é relativamente comum filhotes apresentarem cocôres moles. Isso pode ter diversas causas e uma delas PODE ser a alimentação (lembrando que não sou veterinária, sou apenas dona de cachorro).

Iniciei a alimentação natural em meus cães (no meu Basset Hound ainda filhote), o que reduziu sobremaneira a quantidade de cocôres, além de ficaram durinhos. A alimentação natural (www.cachorroverde.com.br) deve ser feita após bastante leitura, consentimento dos demais familiares, programação e com aviso prévio ao veterinário que cuida da sua cachorrinha. Isso é apenas uma dica, não significa que resolverá seu problema e, se for algo feito de forma afobada e precipitada, pode atrapalhar mais do que ajudar, certinho?

Na verdade, para o cão aprender a fazer xixi e cocô no lugar certo não basta deixar o local onde você deseja que seu cão urine com um pouquinho de urina ou produto que imite a urina. É necessário tempo e paciência para acompanhar seu cão, perceber quando ele começa a cheirar mais o chão e dar voltinhas (sinais de que fará xixi e cocô) e levá-lo ao sanitário higiênico, recompensando-o e tudo o mais... Acoselho que leia um capítulo do livro "Adestramento Inteligente" do Alexandre Rossi, destinado exclusivamente a ensinar nossos cães a fazer as necessidades fisiológicas no local correto. Esse livro está disponível, gratuitamente, na internet.

Todos os cães novinhos e recém-chegados ao lar choram a noite inteira, a regra é esta. É preciso ter paciência. Isso é uma situação muito variável. Enquanto o meu Shih Tzu chorou apenas duas noites, o meu Basset Hound chorou por dois meses...

Bjos!

Anônimo,  27/10/2010 13:19  

Oi Adriana acabei de conhecer seu blog e achei importantissimo para meu caso.
Tenho um shih tzu de 4 meses o nome dele é Rock e ele é parecido com seu., porem escolheu dois lugares para fazer xixi e coco, não faz os dois no mesmo lugar nunca, as vezes ele erra o lugar certo de fazer o xixi, porem o xixi ele acerta mais, , já o cocô ele não faz no mesmo lugar , não sei o que fazer!

Obrigada
beijos
Perla

Carol,  04/11/2010 20:30  

Dri, tenho um lhasa apso de 3 meses. Estou com ele a uma semana, a qual ele dormiu no meu quarto, na minha cama (fui vencida pelo cansaço e pelo coração mole, pois ele chora muito). Como posso aguentar isso?
Além do que, não consigo ensinar ele a fazer xixi e coco no lugar certo.
Minha casa é ediculada no fundo, gostaria que ele dormisse lá, pois tem espaço, é aberta para ele brincar no quintal e é beeem grande, ele pode se divertir. É errado ele ficar na edicula e nós na casa?

Adriana Diniz 05/11/2010 17:25  

Tudo o que sei sobre fazer xixi e cocô no lugar certo está descrito nos comentários deste post.

Ensinar o cão a fazer xixi e cocô no lugar certo não é tarefa fácil. Não porque exija conhecimentos grandes ou porque seja uma tarefa complexa, mas exige uma contrapartida - sacrificial até - por parte dos donos:

- Tempo para corrigir e ensinar o local certo;
- Paciência para saber que ele vai errar algumas muitas vezes antes de aprender em definitivo;
- Colaboração dos familiares, porque confunde o cão um agir de uma maneira e outra pessoa agir de outra;
- Leitura porque são necessários aprender alguns truques a fim de ter êxito na tarefa;
- Disciplina para que os primeiros ensinamentos aprendidos pelo cão não seja perdidos, mas fortalecidos ao longo das semanas.

Carol, não sabia o que era edícula! Procurei e descobri que é uma pequena edificação, imagino que, no seu caso, uma casinha de cachorro.

Não é de maneira alguma errado deixar o cachorro dormir na casinha desde que esteja em boas condições: limpa, arejada, com água limpa disponível, ao abrigo do sol e da chuva. Ensine o seu cachorro a gostar desse CÃOtinho: dê petiscos a ele (sem exagerar) quando ele entrar no local, coloque bastante brinquedinhos que ele goste lá dentro também.

Quanto a dormir com ele junto a você, isso é uma opção muito pessoal. Se você e sua família estão bem assim, ótimo!

Algumas raças de cães têm perfil para ficar juntinho do dono, em ambientes internos, não importa se em casa ou apartamento. É o caso do Shih Tzu e acredito também que do seu Lhasa Apso.

Porém qual cachorro não gosta de uma quintal grande para cheirar e se divertir? Todos gostam! Só não esqueça que cachorro é um animal social e que precisa, portanto, de companhia!

Abraços!

Anônimo,  29/11/2010 03:35  

Estou apaixonado pelo teu blog!

Bom humor, informação, praticidade, conciso, eficaz e, o mais importante para mim, um português digno!

Bravo! Louros e mais louros!

Recebo minha Basset em 2 semanas, moro num apartamento bem grande e, depois de ler o que escreveste à respeito do teu basset, já me entupi de leitura direcionada. Coincidentemente, meu primeiro cachorro foi comprado com o Alessandro Rossi... e ele mesmo me deu umas dicas de leitura.

Abraços congelados de Québec, Canadá

Adolpho

Adriana Diniz 29/11/2010 13:26  

Oi Adolpho!

Obrigada pelos elogios calorosos vindos do frio Canadá! Gostei muito!!!

Bem, em minha opinião, Basset Hound não é um cão para apartamento em hipótese alguma! Quando eu tinha o Basset, pensei em fazer uma camisa para ele em que estivesse escrito "Não me tenha em apartamento!" Se possível, conte-nos depois sua experiência com sua Basset!

Um abraço!

Anônimo,  11/09/2011 15:21  

OI tdo bem? eu tenho uma shih tzu , tem 5 meses , ela se chama Bella , e eu comprei um sanitário plástico para ela , mas ela não aprende de jeito nenhum... como vc ensinou o Aurélio ??
Obrigada

Adriana Diniz 19/09/2011 10:55  

Oi Lara!
Vi que você postou inúmeros comentários no Blog. Obrigada!

Vi o seu blog também: http://laraebella.blogspot.com/. Você tem um blog com apenas 11 anos? Muito legal! Só não descuide dos estudos, ok?

Lara, tudo o que sei sobre ensinar o cachorro a fazer xixi e cocô no lugar certo está descrito nos comentários deste post.

Tudo o que recomendo para leitura está indicado na forma de links, no próprio corpo do texto. Você identifica um link, no texto, se ele tiver a cor vinho.

Desejo que dê tudo certo para você e sua Bella!

Beijos,

Adriana

Anônimo,  22/09/2011 11:31  

Olá Adriana!
Primeira vez que entro em sua página e já me identifiquei com muito do que foi dito aqui.
Tenho uma shih tzu de 4 meses. Passei por todo este processo de ensinar o xixi e cocô no lugar certo (sempre fez cocô no lugar certo...xixi nem sempre) e hoje não me dá mais problemas.
Mas, tenho dois problemas:
- quando vou a casa de familiares não tenho sossego, ela adora um tapete...rs. Levo o tapetinho dela (estes usados para estes fins), mas ela fica tão feliz com todo aquele espaço e pessoas (meu apart é bem pequeno)que raramente faz no lugar certo.
-e, ela cheira demais o chão e pega tudo o que acha pela frente. Tenho mêdo que acabe engolindo algo que lhe faça mal. Sinceramente, não sei o que fazer.
Se puder me dar umas dicas ficarei muito agradecida.
Obrigado e parabéns pelo blog.

Abç.,

Josiane

Adriana Diniz 10/10/2011 12:07  

Oi, Josiane!

Desculpe-me pela demora em responder!

Em relação às dificuldades relatadas por você com sua Shih Tzu de 4 meses, sugiro que leia as indicações de artigos contidas no seguinte post, escrito pela criadora de buldogues franceses Camilli Chamone:

http://www.blog.villechamonix.com/2011/09/o-blog-responde-filhote-mordedor.html

(copie e cole na barra de endereços do seu navegador)

Obrigada por entrar em contato e sucesso no adestramento da sua cadelinha!

Abraços,

Adriana

Laura Mel 31/10/2011 18:03  

Olá! Eu tenho um shih tzu de 7 meses, e tem uma história.. Quando compramos ele, a minha irmã, no caso, estava em Curitiba, e ficou por lá durante 3 meses, ele tinha 3 meses nessa época. Dai depois minha irmã voltou, e compramos um tapete especifico para as necessidades e o Pipi Dog. Não adiantou nada, uma vez ou outra que ele acerta. 1 vez na semana. Toda vez que ele acerta fazemos festa, mas não acerta diaramente, isto está horrivel, passamos vinagre, limpamos o local errado, e nada. Porém, ele é muito esperto, sabe sentar, latir, deitar e acabou de aprender a dar a pata. Só falta ele rolar e saber fazer xixi no local certo, que é o tapete. É um négocio de plástico cheio de furos quadrados, e embaixo tem outra parte de plastico, que dai você tira a parte de cima e põe jornal. Já ouviu falar? Mas ele acerta pouco, e sempre que ele acerta, deixamos o tapete com o xixi lá. Mas agora de pouco ele acertou, fez um grande, deu até pra ouvir o barulho, rrsrs, mas bastou meu irmão ir embora ele errou o cocô. O que faço para ensiná-lo? Não adianta pipi dog, não adianta dizer não... Obs: Vamos castrá-lo mês que vem. Ajuda por favor! Beijos.

Veja o blog que criei para ele! Tem fotos dele lá. Fui!
cenishihtzu.blogpost.com

Adriana Diniz 31/10/2011 20:43  

Oi, Laura! Td bem?

Bem, veja se os demais comentários que fiz neste post podem te ajudar!

Quanto à castração, recomendo que faça somente se julgar a medida NECESSÁRIA. Leia este texto:

http://www.cachorroverde.com.br/castracao.php

Ah... não consegui acessar o blog pelo endereço que mandou! Fique à vontade para enviar novamente!

Beijos e sucesso no adestramento do seu cão!

Adriana

Anônimo,  07/05/2012 14:40  

Olá! Não sei se o Blog ainda está ativo, mas acabei de comprar uma Shih-tzu fêmea, ela é super obediente e já está aprendendo a fazer suas necessidades no jornal (ela chegou há dois dias!!!) e na primeira noite só chorou às 5:10 da manha~, então eu esperei até às 6:00, ela aceitou numa boa! Ahhh, comprei uma casinha pra ela e coloquei na lavanderia, ela entrou sozinha e ficou por lá... parece mentira, mas até eu me surpreendi, não pensei que seria tão fácil! Obrigada pelas dicas do blog!

Renata Granato 13/08/2012 00:07  

Oi Adriana! Adorei esse post. Tenho uma pug de dois meses e estou lutando para ensiná-la a fazer as necessidades no lugar certo, ela tem acertado algumas vezes... gosta muito do tapete da minha sala, mas como estou com ela a apenas uma semana acho que ta indo bem. Também li o livro Adestramento Inteligente e me ajudou muito. Só tenho uma dúvida, o banheirinho dela é dentro de um banheiro que fica na área de serviço do meu apto, eu quero ensiná-la a fazer xixi lá, meu apto não é muito grande e ela dorme na cozinha, perto desse banheiro... mas as vezes penso que pelo tapete higiênico não estar tão a vista dela a dificuldade em aprender aumenta. Isso faz sentido? Se eu deixar o tapete mais visível é possível que ela acerte mais? Ela sabe chegar ao local e algumas vezes faz o serviço sozinha, outras eu levo... mas ainda falta muuuuito pra ficar bom rs

Adriana Diniz 14/08/2012 18:24  

Olá, Renata!
Minha dica é: faça um teste, uma experiência e veja o que acontece se você tornar o sanitário mais visível.
Se o resultado for positivo, continue. Com o tempo, quando sua pug já tiver se acostumado razoavelmente bem a urinar no lugar certo, vá deslocando o sanitário até o local onde você deseja que ele fique.
Isso, para mim, é adestramento inteligente: é usar da sua percepção e da sua experiência única para tentar formas mais efetivas de adestramento do cachorro.
Bjos e sucesso!
Adriana

marcelo 17/10/2012 16:07  

Olá! Tenho uma dúvida:
Tenho um shih-tzu de quase 3 meses, chamado Ugo. Estamos com ele há 3 dias e ainda estou com todo gás pra tentar educá-lo, afinal ele é um bebeznho...
Queria saber se, como "recompensa", posso dar grãozinhos da própria ração que ele come. Hoje li sobre a maçã e vou tentar, mas a ração é mais fácil.
Compramos até uns bastõezinhos de fibras (eu acho) pra acrescentar na alimentação, mas ele não gostou, então não acharia que é uma recompensa... hehehe

Abraço e desde já agradeço!

Adriana Diniz 29/10/2012 09:54  

É interessante q a recompensa seja algo mais apetitoso q a ração. Além disso, qnd o cachorro estiver aprendendo, sugiro q vc não dê petiscos toda vez q ele acertar. Dê petiscos na maioria das vezes, não sempre. Isso reforça o aprendizado. Sucesso!

Ceiça Cunha 29/12/2012 13:27  

Oi, estou adorando seu blog. Recentemente ganhei um lindo maltes (macho) do meu marido. O nome dele é TODY. Ele fez dois meses no último 26/12/12. Ele é muito fofo, alegre, mas só tem um pequeno probleminha. Esta sendo muito dificil fazer com que ele aprenda a fazer as necessidades na toalha higienica. Os veterinários aqui dos EUA dizem que o jornal pode ocasionar vermes no meu filhotinho devido a tinta. Já não sei o que faço...Algumas vezes ele acerta, outras erra. Ainda tem um agravante! Ele chora muito quando o coloco na área reservada pra ele. Estou tentando ser firme, mas esta dificil. O coração aperta quando o vejo uivar. Vc tem alguma dica? Me ajuda!! Meu sonho é ter confiança de deixa-lo andar pela casa.

Anônimo,  27/01/2013 12:02  

Adriana, assim como você, eu li muuuuuito antes de ter meu cachorrinho. Comecei a pesquisar meses antes. Cães e C&a, "Adestramento Inteligente", Blogs, Site de Canil (vários); li de tudo (e posso dizer que seu blog, não tenho dúvidas, está entre minhas leituras favoritas; não canso de reler os posts)! E aprendi muito! Meu maltês chegou ontem e tem 2 meses. Moro em apto e separei um quartinho ao lado da área de serviço pra ele, o qual tem um bom espaço (tirei os móveis e ajeitei o local da caminha, da água/comida e do tapete higiênico). Apesar de tudo o que eu li, a minha dúvida ainda é: enquanto ele for novinho, deixo-o O DIA TODO no quartinho dele? Eu coloquei uma caixa pesada como bloqueio da porta e ele não consegue sair. À noite, como qualquer filhote, chorou bastante. Hoje pela manhã, quando acordei, ele já estava chorando.Estou pensando em deixar ele sempre "confinado" lá e, claro, em alguns momentos do dia, vou brincar com ele, trocar água, essas coisas. Pra tentar ser mais objetiva, será que o fato de eu deixá-lo preso fará com que ele passe a detestar o quartinho e, mais tarde, quando começar a soltá-lo, ele vai querer evitar voltar por lá? Quando você diz que deixava Aurélio no quartinho dele (ou seja, o escritório), isso significa que ele ficava lá o tempo inteiro, mesmo chorando pelo dia e pela noite, e vocês, algumas vezes durante o dia (quando era possível) iam até o escritório para suprir as necessidades de atenção, comida, troca de tapete higiênico/jornal?
Pra mim, esse início é complicado porque não se direito se estou deixando-o muito só no quartinho, se tenho q ficar mais tempo lá, se deixo chorando mesmo e vou fazer minhas coisas...
Apesar das dúvidas, desde ontem ele tem feito cocô e xixi nos tapetes higiênicos (coloquei três juntos). To fazendo certo mesmo ou devo deixá-lo ter acesso a outros cômodos da casa?

Maíra.

Moda por duas 17/10/2013 16:06  

Olá!

Comprei um spitz alemão já grandinho, de um ano, faz 2 semanas. Ele é super dócil, amoroso e fofo, porém tenho um problema com ele: o xixi.
Apesar de ficar algum tempo aqui em casa, sempre quando saio deixo ele no terraço, onde ele dorme e possui seu banheiro. Nos primeiros dias foi normal, ele fez errado, corrigi, mostrei o jornal etc.
O cocô já está ok, ele tem feito no jornal certinho, mas o xixi ainda é um problema. Ele faz xixi em todo lugar da minha casa, nunca em grande quantidade, e é só eu perguntar: o que é isso aqui ?? ele já abaixa a cabeça e começa a tremer de medo, as vezes fazendo até xixi.
Nunca bati nele, mas é só eu alterar um pouco meu tom de voz que ele já se mija e n para de tremer.
O que posso fazer pra ajudar a resolver meu problema. Sei que paciencia e determinação são essenciais, mas gostaria de saber se há alguma dica, visto que ele é um cão mais "velho".
Ps: ele é super obediente em outros quesitos, não sobe em camas, não ultrapassa a sala (ainda não tenho confiança de deixá-lo lá) nem entra no quarto dos meus pais, mas o xixi ainda é um problema.

Postar um comentário

Quer comentar? Sinta-se à vontade! Saiba como.

Atenção: comentários que não tenham nada a ver com o assunto tratado nos artigos serão rejeitados. Política de Comentários.

Made in Brasília, DF, BRASIL!

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR